27.12.18

Entenda como seus dons e talentos funcionam na sua vida.



Dons e talentos são duas palavras que costumam ser usadas como sinônimos de habilidades. Mas, na realidade, elas não significam exatamente a mesma coisa.
TA·LEN·TO
Aptidão natural ou adquirida. 

DOM
Aquilo que foi objeto de doação;
dádiva, donativo, presente.

Os seus dons e talentos são habilidades, mas, mais do que isso, eles são ferramentas que permitem que você cumpra o seu propósito. Por isso, mais do que conhecer o significado de cada um, você precisa entender a diferença entre eles, porque cada um funciona de uma forma específica.

Talentos são o seu conjunto de habilidades naturais: aquelas com as quais você nasce e aquelas que você desenvolve ao longo da vida. 

Dons são todas as habilidades espirituais que o Espírito Santo te dá. Ou seja, são presentes de Deus. (Vai encontrar uma lista com todas elas em 1 Coríntios 12). 

Certa vez ouvi a seguinte frase: você recebe os seus talentos quando nasce, e os seus dons, quando nasce de novo. Para mim, esta é a melhor das explicações! 

A vida de Jesus nos mostra que você precisa tanto dos talentos quanto dos dons para cumprir o seu propósito.

O Evangelho de Lucas nos conta que Jesus era muito inteligente, a ponto de, com apenas doze anos de idade, impressionar os mestres do templo de Jerusalém (Lucas 2:41-47). Podemos dizer que sua inteligência era uma habilidade natural, um talento com o qual ele nasceu. Vemos Jesus usando esta habilidade enquanto ele ensinava o povo (Lucas 4:31-32) e também para não cair em armadilhas (Lucas 20:1-8).

Mas a bíblia também nos mostra que Jesus não cumpriu seu propósito apenas com habilidades naturais, muito pelo contrário, seus dias na Terra foram marcados pelo seu poder: curando enfermos, libertando os que eram aprisionados por demônios, ressuscitando mortos. E, por intermédio do Espírito Santo, o mesmo acontece com cada uma de nós. 

Vamos fazer um pequeno exercício de imaginação para ilustrar como isso pode acontecer nas nossas vidas.

Digamos que o seu propósito seja ensinar a palavra de Deus para crianças. Imagine que o seu chamado atual é fazer isso através da criação e venda de livros infantis.  Se você possui habilidades naturais de desenho e escrita, poderá fazer os livros através delas. Mas a mensagem de cada livro, vem de Deus. É Ele quem te diz o que deve ser escrito.

Indo mais além, imagine que Deus queira levar os seus livros para vários países, para isso você precisará cuidar das vendas e divulgação, talvez precise estudar um pouco sobre marketing. Você detesta estudar marketing. “Sou uma alma criativa e não uma vendedora”, você pensa. Você não quer, mas sabe que precisa desenvolver essa habilidade, então se esforça para isso. 

Às vezes você precisa dar palestras em eventos, mesmo detestando falar em público, porque sabe que é importante que as pessoas tenham contato com seus livros. Você passa dias nervosa, quase não consegue dormir, mas suporta tudo porque aquela mensagem precisa ser levada àquelas pessoas. 

Um dia, Deus te revela que o propósito que Ele planejou para a sua vida é fazer com que os seus livros sejam enviados para lugares onde o cristianismo é proibido e as crianças nunca têm contato com a mensagem da salvação. Imagine que Deus quer te usar para levar Jesus a uma nação inteira através das crianças! 

Certo dia, você está no aeroporto e um estrangeiro senta ao seu lado. O Espírito Santo começa a fazer o seu coração queimar e te diz que aquele homem será usado para levar um livro seu a um lugar onde os cristãos são perseguidos! Você fica nervosa, mas começa a pensar numa maneira de puxar uma conversa. Em poucos minutos você percebe que aquele homem não fala a sua língua e que você não tem a menor ideia de como irá mencionar os livros. Você começa a perguntar para o Espírito Santo: “Como vou fazer isso? Ele não vai entender nem uma palavra!”. O sentimento continua queimando no seu coração, mais e mais a cada segundo! Você sabe que precisa fazer isso, e rápido!

De repente, o Espírito Santo te diz: “Diga oi. Deixe o resto comigo.” 
Você ora mais uma vez pedindo ousadia, e finalmente, diz oi. 

Naquele instante você percebe o olhar de surpresa do estrangeiro, que te pergunta como você conhece aquela maneira peculiar de saudação. Você, surpresa, diz que não sabe do que ele está falando. Ele sorri e começa a te explicar. Você está tão surpresa que demora alguns segundos para perceber que vocês dois estão conversando! 

Sim! Estão conversando mesmo sem saber como falar a língua um do outro! O Espírito Santo estava te capacitando com o dom de falar outras línguas, assim como aconteceu durante o dia de pentecostes! (Atos 2: 1-11) Duas horas de voo depois, a conversa termina com a troca de telefones e uma cópia do seu livro na maleta do estrangeiro. E assim uma nação inteira é impactada através da sua vida!

Cabe a nós desenvolvermos habilidades naturais e ao Espírito Santo nos capacitar naquilo que não podemos fazer. (Atos 1:8, 1 Coríntios 12:7-11).

Com esse exemplo quero te mostrar que para cumprir seu propósito você precisa usar as habilidades com as quais nasceu e, às vezes, se esforçar para conquistar aquelas que não ainda não têm. Mas também quero que você entenda que o seu propósito é dado por Deus para que vidas sejam alcançadas, isso significa que Ele vai te capacitar! Porque o propósito do Senhor é maior do que a nossa limitação, e o poder dEle se aperfeiçoa na nossa fraqueza (2 Coríntios 12:9), então, tenha certeza de que Ele vai te equipar com todos os dons e talentos necessários! 

___________________
Medite e Responda: 

1. Você consegue identificar quais dons e talentos possui?
2. Olhando para a sua vida e para o que Deus tem te chamado para fazer, qual talento você sente que precisa desenvolver? 

____________________

Esse texto faz parte da série DESCUBRA SEU PROPÓSITOClique aqui para saber mais! 

Postar um comentário