Um conselho que pode mudar sua vida de oração.



Este ano de 2018 tem sido um ano bem intenso para mim. Uma das suas grandes características tem sido a extrema necessidade que sinto de conseguir administrar todas as minhas obrigações e atividades pessoais com sabedoria. Tenho me dedicado a isso, buscando a fórmula ideal, o planejamento perfeito, a correta distribuição do tempo para ter qualidade em cada um dos meus compromissos, sejam eles compromissos espirituais, compromissos profissionais ou pessoais.

E, apesar de saber que tenho muito a melhorar em cada uma destas áreas, uma das minhas maiores vitórias pessoais foi, finalmente, conquistar a constância no devocional! Não a perfeição, mas a constância. Quando penso nisso, sinto aquele quentinho no coração, de uma meta que foi muito sonhada (e muito "orada" haha) finalmente sendo cumprida. 


Mas, diferente do que eu imaginava, ao invés de estar mais sensível à voz do Espírito Santo e ouvir com muita clareza as direções de Deus, algo estranho começou a acontecer: constantemente durante as orações, percebi minha mente indo e vindo, e eu me forçando a voltar o foco ao Senhor, pois no meio da oração sentia meus pensamentos divagando para as obrigações pendentes, as responsabilidades do dia, os problemas a resolver. Junto com essa dificuldade, percebi uma frustração no fundo do meu coração. A sensação de que Deus não estava falando. Que eu estava "me esforçando para fazer tudo certo" e que Ele "não estava fazendo a parte dele". A minha razão suprimiu esse pensamento, afinal, eu sei que Deus sempre faz a parte dele. Mas, meu coração continuava doendo. 

Antes de continuar, quero fazer uma pequena pausa para te dar um conselho (muito fácil de falar, e difícil de cumprir, mas que precisa ser dito): não ignore a sua emoção, sufocando-a com uma fé racional. Eu e você somos seres humanos, com um corpo, uma alma e um espírito. Nossas emoções não devem ser nosso guia, o Espírito Santo é. Nossas emoções não devem ditar as regras, a Bíblia sim. Mas isso não significa que nossas emoções são descartáveis ou que elas devam ser ignoradas, afinal, elas fazem parte de quem nós somos. Se você está sentindo, ouça, dê nome e fundamento para a sua emoção, e então, em oração, busque sabedoria para lidar com ela. Ok? Você vai ver que o Espírito Santo é muito gentil, ele vai te ouvir, ele vai te guiar. Foi o que ele fez comigo. 

O Espírito Santo me mostrou que eu estava chegando no meu tempo de oração com uma postura de "preciso orar por X, Y, Z". Por pessoas, situações, etc. E lá ia eu, orando. Minha mente divagava, e eu "me forçava" a voltar a orar. E com essa "guerra mental" eu nunca conseguia ouvir o que Deus estava me dizendo, porque sim, Ele estava falando, eu é que não estava ouvindo. 

O Espírito Santo me mostrou que se eu não esvaziasse a minha mente, jamais haveria espaço para Ele a preencher. Preste atenção: a oração é o lugar mais seguro do mundo para isso! É você e o Criador do universo! Se existe alguém capaz de receber toda a sua carga de preocupações, todo o peso das suas emoções e tratá-las com a importância que elas merecem, te tratar com o amor e cuidado que você anseia, esse alguém é Ele!  

Quando eu entrego tudo aquilo que me preocupa, quando levo cativo ao Senhor (perceba que é "cativo a Ele", e não "sufocado dentro de mim"), meu coração se acalma, minha mente se acalma e enfim, posso ouvir a voz do Senhor! 

É como se eu chegasse pra conversar com Deus segurando uma bomba. Ele vai falar e falar, mas a minha mente só vai pensar "isso aqui tá quase explodindo, preciso fazer alguma coisa!". Uma hora depois, eu digo "Tchau, Deus, até a noite na minha oração antes de dormir!", e seguisse o meu dia carregando a bomba. Não é mais fácil entregar "a bomba" nas mãos dele, e descansar? Não é mais fácil saber que Ele é o Deus do universo e vai lidar com aquilo muito melhor do que eu? Se eu entregar, é bem provável que ele diga "olha Karen, é assim que você "desativa essa bomba", é assim que você resolve esse problema. E em cinco minutos, eu esvazio a mente, e descanso. E então, tenho todo o resto do tempo pra ouvir e desfrutar do meu tempo com Ele. 

esvaziarretirar o conteúdo de alguma coisa, descarregar, deixar ficar vazio, desocupar.


Esvaziar não é uma omissão. Não é "silenciar". Esvaziar uma ação que abre um espaço. 

Desocupe a sua mente, abra espaço para que Deus coloque ali aquilo que Ele quer! Isso vai te levar a um lugar de muito mais intimidade com Deus, afinal, a gente não sai por aí falando todas as nossas preocupações para qualquer um, certo? Envolva o Senhor na sua vida, e Ele vai te envolver na vida dEle. Ele vai dividir os sonhos Dele com você, e até as "preocupações" que Ele tem. É assim que novos projetos nascem, é assim que Ele vai começar a usar a sua vida para cumprir os planos dEle aqui, para "resolver problemas" e tocar vidas! Ele te criou e te salvou exatamente para isso! 

Desfrute do seu relacionamento com o Senhor! <3 
(E se você terminou esse texto, e não está com vontade de sair correndo para orar, vai lá pro começo e lê de novo! hahaha)

Vamos juntas? 😊


2 comentários

  1. Muito obrigada! Eu estava me sentindo exatamente assim hoje, magoada comigo mesma por as vezes sentir que fazia por obrigação e não por amor a Deus, em ter um momento com Ele em que pudesse acalmar meu coração e ouvir Suas palavras. Seu texto foi muito gratificante, emocionante e a resposta que tanto buscava em minhas orações!

    ResponderExcluir
  2. SIMPLESMENTE CONCORDO COM TUDO E ME SINTO ASSIM, AINDA NÃO TENHO UMA VIDA EM CONSTANCIA COM DEUS, COM O NOSSO AMIGO ESPIRITO SANTO, PRECISO MUDAR ISSO PARA ONTEM, MAS SEI QUE TENHO QUE LUTAR COMIGO PRA VENCER A CARNE, POIS A PRIORIDADE TEM QUE SER COM DEUS E NÃO VIVER LONGE DELE, SEM ME SEPARAR PRA ESTAR COM ELE, COM A MENTE VAZIA, ESTAR COM ELE POR PRAZER, NÃO POR OBRIGAÇÃO, TIPO UM FARDO...HA PRECISO FAZER ISSO POR QUE SOU CRISTÃ ETC E TAL, MAS O SEGUINTE PENSAMENTO PRECISO ESTAR COM ELE, PORQUE ELE ME FAZ BEM, PORQUE EU GOSTO DE CONVERSAR COM O PAI, PORQUE GOSTO DE ESTAR EM SUA PRESENÇA.
    GOSTEI MUITO DO POSTO, QUE O PAI CONTINUE TE ABENÇOANDO, PAZ AMADA

    ResponderExcluir